Rossandro Klinjey: “As famílias não podem transferir a missão de educar”

56

Por Cláudio Ferme

O psicólogo e escritor Rossandro Klinjey enfatizou, na palestra “Tecnologia que desumaniza”, a característica perene dos valores humanos em confronto com as inovações tecnológicas e a responsabilidade da família e da escola na transmissão às novas gerações desses inestimáveis princípios éticos.

Segundo Klinjey, a tecnologia mal empregada pode ser prejudicial ao relacionamento familiar. “Cabe à sociedade rejeitar os relativismos morais e realizar as virtudes da educação, no sentido de atenuar os desvios de caminho que acometem os jovens”, aconselhou.

A dimensão líquida da realidade contemporânea conserva as diversas esferas do conhecimento em permanente crise, e a educação pode contribuir para resgatar a espontaneidade do humano. “A crise das epistemologias, das metodologias e da cultura gera impasses e mudanças de valores, não assimilados por muitos, especialmente numa sociedade dominada pela experiência do consumo”, explicou o psicólogo.

Com o agravamento da carência suscitada pela distância entre as pessoas, os educadores representam, na visão de Klinjey, uma “ponte de lucidez” para salvar o ser humano: “É necessário recompor a saúde mental dos indivíduos restabelecendo a ligação com as pessoas, pois a dignidade surge do coletivo”.

Quais valores estamos transmitindo às novas gerações? Essa é uma questão fundamental na opinião do psicólogo. “As famílias precisam encarnar sua tarefa de transmitir valores, não podem transferir a missão de educar. Mas a educação demanda a paciência da constante repetição, uma vez que o conhecimento exige esforço para ser adquirido – a mente não valoriza o que se conquista sem esforço”, destacou.

Para o escritor, trata-se, sobretudo, de investir em tempo para realizar as virtudes do conhecimento. “O papel dos professores é a permanente compreensão do que torna sua atividade imprescindível numa realidade marcada pela intolerância e pela influência não espontânea da tecnologia”, ponderou.

Confira a mensagem do psicólogo Rossandro Klinjey no 11º Congresso Rio de Educação:

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s