Medalha Alice Flexa Ribeiro reconhece mulheres educadoras

IMG_0470

Por Juliane Oliveira

Com o objetivo de registrar a atuação de educadoras que se destacam na nobre luta pela educação, às vésperas de completar 95 anos de existência, a Associação Brasileira de Educação (ABE) instituiu uma especial comenda para homenagear as mulheres educadoras do país: a Medalha Alice Flexa Ribeiro. Em sua primeira edição, a condecoração foi entregue durante o 12º Congresso Rio de Educação para Maria José Bezerra de Araújo, Patrícia Lins e Silva e Terezinha Saraiva.

Alice associou-se à inglesa Isabel Andrews, ao lado de quem concebeu um dos primeiros colégios mistos e laicos do Rio de Janeiro: o Colégio Andrews. Em sua trajetória, conciliou a gestão de sua escola ao exercício do magistério em escolas oficiais e sempre dedicou à escola pública grande empenho e entusiasmo. Dedicou-se durante vários anos à causa da Educação e da ABE, a qual chegou a presidir.

Dentre as homenageadas está Maria José Bezerra de Araújo, que se graduou em Enfermagem pela PUC Rio, em 1976, e em Pedagogia Aplicada à Enfermagem pela UERJ. Licenciada pela Universidade do Rio de Janeiro, cursou Administração Escolar, Supervisão Escolar e Administração. Diretora da Faculdade e dos Colégios Bezerra de Araújo, foi presidente do Conselho Regional de Enfermagem do Rio de Janeiro, membro da Comissão de Educação da Associação Brasileira de Enfermagem, presidente do Conselho das Instituições de Ensino Superior da Zona Oeste e autora de nove livros.

Patrícia Lins e Silva é pedagoga. Seu espírito inquieto e investigativo a levou a cursar cinco Faculdades: Sociologia, Biologia, Letras, Filosofia e Pedagogia, além de Mestrado em Filosofia da Educação, no IESAE da Fundação Getulio Vargas. Patrícia foi conselheira do Conselho Estadual de Educação e diretora da Associação Brasileira de Educação. Diretora e orientadora pedagógica da Escola Parque, no Rio de Janeiro, desdobra-se em múltiplas atividades, estudando e proferindo palestras. Autora de artigos em revistas e jornais, a educadora escreveu também o livro “Inteligência se Aprende”.

Já Terezinha Saraiva dedica-se à Educação Básica há mais de 70 anos. Recebeu em 2005 o Prêmio Bunge, na categoria de Ensino Fundamental por ser considerada a professora que mais trabalhou por esse nível de ensino no Brasil. Foi secretária estadual de Educação e Cultura e secretária municipal de Educação. Foi secretária executiva do MOBRAL e presidente da FUNABEM. Integrou o Conselho Federal de Educação e, por duas vezes, o Conselho Estadual de Educação do Rio de Janeiro. É membro fundador da Academia Brasileira de Educação. Participou de conferências internacionais representando o Brasil. É autora de livros e detentora de inúmeros prêmios e medalhas, tais como: Palmas Acadêmicas, do Governo Francês, e a Ordem do Libertador, do Governo da Venezuela.

Assista ao vídeo completo da entrega da Medalha Alice Flexa Ribeiro:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: